Translate this Page

Partilhe esta Página

VISITAS/ACESSOS


Provérbios 10:1
Provérbios 10:1

Início  »  Provérbios  »  Capítulo 10  » Provérbios 10:1 » 

Comentários diários de provérbios

Provérbios de Salomão: O filho sábio dá alegria ao pai; o filho tolo dá tristeza à mãe.

  • Provérbios 10:1
  • Nova Versão Internacional  

 

Comentário do versículo:

É bom lembrarmos quem escreveu as jóias da sabedoria chamada provérbios. Considerando que ele escreveu em primeiro lugar ao seu filho e aos homens jovens, cada filho deve considerar o seu relacionamento com os seus pais. Somente quando ele for pai compreenderá a alegria e a tristeza que ele pode causar pelas suas escolhas e ações. Que cada jovem considere a sua mãe, seu pai e o Pai Dele.

Salomão escreveu os Provérbios na Bíblia, incluindo este. Você é muito abençoado por ter o mais sábio rei do mundo como o seu monitor pessoal. E o SENHOR Deus inspirou a seleção destes poucos dentre os três mil que ele escreveu (IRs 4:32). Os justos podem regozijar por ter sabedoria secreta do céu de uma maneira concisa definida em incisivas declarações curtas para eles e para as suas famílias. Veja os comentários de Provérbios 25:1. Dê a glória a Deus!

O mundo pode zombar da Bíblia o quanto quiserem. Deixe que considerem os macacos como sendo seus ancestrais, as suas dívidas como a panaceia econômica, crianças ingovernáveis como o futuro deles, empregados preguiçosos como a força de trabalho deles, autoridades corruptas como seus governantes, mulheres profissionais liberadas como esposas e mães, e fraudes financeiras como sendo o caminho do sucesso. A escrita do desastre já está na parede e só tende a piorar. No fim os santos governarão!

Os primeiros nove capítulos são introdutórios, com instruções extensas e contínuas contrastando a sabedoria divina com a loucura pecaminosa. A esta altura, estamos sendo introduzidos no que é propriamente provérbios - sentenças curtas e isoladas que apresentam profunda sabedoria para todas as áreas da vida. Enquanto que o livro como um todo é provérbios, temos aqui as jóias individuais que merecem a nossa extasiada atenção enquanto as examinamos para nos deliciarmos de todas as facetas.

O primeiro que temos, no nosso texto, indica o valor do treinamento piedoso para a alegria e o livramento dos pais. Se estes provérbios são ensinados e exigidos das crianças, os pais reconhecerão a benção total de uma semente piedosa para a satisfação deles e para a glória de Deus. Se, por outro lado, estes provérbios forem negligenciados, o futuro será negro, com um peso calamitoso.

Filho, você já pensou a respeito dos seus pais hoje? Cada um deles viveu a sua vida antes que você tivesse nascido! Portanto, bem lá atrás, juntos tinham duas vezes a sabedoria que você tem agora! Desde seu nascimento, eles acumularam mais sabedoria e experiência, enquanto que você levou anos aprendendo a não sujar a si mesmo, e colocar comida em sua boca ao invés de colocá-la na sua orelha!

Sua mãe sentiu náuseas, calor e peso enquanto carregava você; mas ela já lhe amava e tinha pensamentos maravilhosos para a sua vida, enquanto ela preparava a casa para recebê-lo. A gravidez, o nascimento e a amamentação cobraram um preço do corpo dela, mas ela se dedicava constantemente com você! Ela limpava as suas sujeiras e o alimentava muitas vezes diariamente e tudo que você fazia era chorar pedindo mais!

Mais tarde, quando você lutava para andar de triciclo, depois uma bicicleta, trabalho, o seu pai administrava a alma dele, o casamento dele, o emprego dele, as finanças deles, o carro dele e você, entre muitas outras coisas! Ele gerou você, escolheu e tomou as providencias necessárias para a sua mãe e diariamente investia em você, esperando por um filho sábio e justo, que crescesse em favor para com Deus e com o homem.

Mas a maioria dos filhos são egoístas, míopes e estúpidos demais para saberem quão importante são as suas ações para os seus pais. Os filhos não conseguem nem pensar além dos próximos cinco minutos e o único pensamento deles é de como preencherão de prazer aqueles cinco minutos. A responsabilidade de ser um pai é demais para que as suas mentes e almas possam entender, mesmo que por um milagre eles resolvessem tentar entender! Pensamentos amadurecidos a respeito de questões futuras não farão cócegas em uma única célula do cérebro antes de serem pais e só então eles considerarão o quanto seus pais fizeram e merecem.

Um filho tolo é a calamidade do seu pai (Pv 19:13). É uma dos seus piores pesadelos. A dor de ver tanto tempo, despesa, esforço e afeto ser desperdiçado suga a vida de sua alma. A dor dilacera o seu coração e espírito. Ouça a lamentação de Davi pelo seu insensato filho Absalão, "Então, o rei se perturbou, e subiu à sala que estava por cima da porta, e chorou; e, andando, dizia assim: Meu filho Absalão, meu filho, meu filho Absalão! Quem me dera que eu morrera por ti, Absalão, meu filho, meu filho!" (IISm 18:33). Considere a tristeza de Isaque e de Rebeca pela tolice de Esaú se casando com incrédulas (Gn 26:34-35; 27:46).

Se um filho considerar estas coisas e se tornar sábio, o seu pai regozijará. "Sê sábio, filho meu, e alegra o meu coração, para que tenha alguma coisa que responder àquele que me desprezar." (Pv 27:11). Salomão veio de uma família terrível e ele conhecia bem a alegria de um filho sábio e virtuoso e, por isso, ele enfatizou esta questão repetidamente (Pv 15:20; 17:21,25; 19:13; 23:15-16,24-25; 29:3).

Idem para com a sua mãe. Você pode ser um motivo de alegria para o coração dela (Pv 23:25). Ou então você pode se tornar um motivo de amarga tristeza (Pv 17:25; 29:15). Quantos corações de mães foram quebrados por filhos voluntariosos e desobedientes? Só o SENHOR conhece esses números tão grandes! O coração que quase diariamente explode de prazer e de afeição no cuidado dos recém-nascidos é profundamente estraçalhado pela desobediência insensatez intencional de um adolescente pecaminoso.

Filho, esqueça-se de cartões de aniversários, lembranças e outras coisas assim, se você precisar. Mas não abandone a sabedoria e a justiça - estas duas coisas trarão muito mais prazer aos seus pais! Ao invés de levar os seus pais para almoçar fora, leve a sua esposa e os seus filhos para almoçar e ame-os com um perfeito marido e pai cristão deve amar. Isto significará muito mais para eles.

Honre a seu pai hoje. Obedeça as suas instruções. Guarde os seus mandamentos. Responda às suas perguntas. Comunique-se abertamente com ele. Você nunca encontrará outra pessoa na vida que tenha o mesmo cuidado por você da mesma maneira e com a mesma intensidade que o seu pai tem.

Honre a sua mãe hoje. Guarde a lei da boca dela. Atenda aos pedidos dela, por mais simples que sejam, agora. Arrume a sua cama. Limpe o seu quarto. Seja virtuoso. Evite meninas e mulheres tolas. "Ouve a teu pai, que te gerou, e não desprezes a tua mãe, quando vier a envelhecer." (Pv 23:22).

Pai, você mesmo deve considerar este provérbio. A alegria ou a amargura futura para você e para a sua mulher depende muito da sua escolha hoje. Você vai amar e treinar fielmente os seus filhos ou você vai negligenciá-los para a dor da alma de vocês dois? A escolha é sua. A sabedoria deste provérbio corta dos dois lados. Você merece filhos sábios e fiéis? Ou você merece muitos anos de trevas de vergonha pública e de repreensão que revelarão você como sendo um pai negligente? O treinamento fiel produzirá frutos - eles não se apartarão dele no futuro (Pv 22:6).

Leitor, com que cuidado você honra bem o seu Pai que está no céu? Se você é um filho de Deus, então Ele é o seu Pai de uma forma muito amorosa e pessoal. Quanto mais sábio formos ao abandonarmos a insensatez do mundo e buscar a Ele, cada vez mais Ele se regozijará e se aproximará de nós (IICo 6:14-18; Tg 4:8; ICr 28:9; IICr 15:2; Ap 3:20). Se causarmos problemas para Ele, Ele causará problemas para nós!

O nosso abençoado Jesus foi um Filho perfeito para Maria, José e Deus. A Bíblia nos diz claramente que Ele obedeceu aos Seus pais terrestres (Lc 2:51) Uma mulher que O viu sabia que Maria era uma mãe muito abençoada (Lc 11:27). Sua feliz mãe O seguiu durante toda a Sua vida e viu ele morrer (Jo 19:25-27). E o Pai Celestial dele? Ouça a Sua declaração, "E eis que uma voz dos céus dizia: Este é o meu Filho amado, em quem me comprazo." (Mt 3:17). Sigamos o Seu exemplo.

topo