Translate this Page

Partilhe esta Página

VISITAS/ACESSOS


Provérbios 13:2
Provérbios 13:2

Início  »  Provérbios  »  Capítulo 13  »  Provérbios 13:2 »

Comentários Diários de Provérbios

Do fruto de sua boca o homem desfruta coisas boas, mas o que os infiéis desejam é violência. 

  • Provérbios 13:2 Versão em Português: Nova Versão Internacional

 

Comentário do versículo:

A maneira de você falar pode trazer o bem ou a violência para a sua vida. Deus e os homens de bem amam aqueles que falam bem, mas desprezam aqueles que falam maldosamente. Sua boca não é a sua, não importa o quanto o seu coração enganador diga não(Sl 12:4; Jr 17:9; Pv 18:21).


O provérbio tem muitas figuras de linguagem. Comer com gosto é ter a bênção de Deus e o louvor dos homens. Isto é obtido pelo fruto de sua boca que fala agradável e sabiamente. Em contraste, estão os transgressores verbais, que falam áspera e insensatamente. Eles comerão violência, pois tanto Deus quanto os homens os punirão. Qual é a lição? A maneira fácil de crescer em graça com Deus e os homens é a de melhorar a sua maneira de falar (Pv 3:4; ISm 2:26; Lc 2:52).

O seu modo de falar lhe trará o bem ou a violência à sua alma e à sua vida (Pv 12:14; 13:3; 18:20). Palavras boas lhe trarão as bênçãos e o favor de Deus e dos homens (Pv 15:23; 22:11; 24:26), pois as palavras boas comprovam um bom coração (Mt 12:34-37; Tg 3:8-12). A fala perversa desperta a ira e o julgamento de Deus e dos homens (Pv 18:6; 22:10; Sl 52:1-5; 140:11), Pois a fala maligna revela um coração maligno e do contra (Mt 12:34-37; Tg 3:8-12).

Considere os sete tipos de fala. O homem piedoso nunca espalha notícias danosas acerca dos outros, nem os difama, nem fala pelas costas. Caridade e misericórdia estão na sua boca (Pv 17:9; 31:26; Ec 10:12). Mas o homem ímpio peca contra os outros ao falar pelas costas, caluniar, fofocar e cochichar, e estes são odiados por Deus e pelos homens (Pv 6:16-19; 10:18; 16:28; 25:23).

Um homem nobre sempre respeita a autoridade, dando honra onde a honra é devida; e uma mulher piedosa sempre reverencia seu marido, até o chamando de senhor (Rm 13:7; Ef 5:33; IPe 2:17; I3:6). Mas um homem mau critica com ousadia governantes e descarrega sua raiva contra eles como um animal bruto e ignorante. A esses o Senhor afirma que devem ser destruídos (Jd 1:8-10; IIPe 2:10-12).

Um homem virtuoso é sério e sóbrio, entendendo que a vida é importante; ele só fala para edificar aos outros e ele evita qualquer palavras fúteis (Pv 17:27; 129:11; Mt 12:36-37). Mas um homem mau tagarela, fala de uma maneira tola, de forma suja, e fazendo pilhéria; Deus classifica esse tipo de conversa com a fornicação, e Ele virá para destruir os homens por causa disso (Pv 10:10; 26:18-19; Ef 5:3-6).

Um homem piedoso é um pacificador; ele usa as palavras para confortar e acalmar; ele usa respostas suaves para desviar a ira; ele nunca trata com desdém (Pv 15:1; 25:15; 31:26). Mas um homem mau usa de palavras duras e soberbas que provocam a raiva: ele ofende os homens com palavrões; ele interrompe sarcasticamente com palavras; e mulheres assim são esposas importunas (Pv 12:18; 21:19; 26:21; 27:15; Mt 5:21-22).

Um homem justo ama a verdade e sempre fala a verdade, não importa o quanto isso pode lhe custar; ele é uma testemunha fiel em qualquer questão; ele não comete exageros (Pv 12:17; 13:5; 14:5,25). Mas um homem mau tem o engano em seu coração e na sua língua; ele não tem receio de acusar falsamente ou mentir; e ele passará a eternidade no inferno (Pv 6:16-19; 12:19; 19:5,9; Ap 21:8).

O homem virtuoso é agradecido por tudo, dando glória a Deus por todas as coisas; ele sabe que ele não é digno de qualquer bênção e, por isso, se regozija até nas pequenas bondades (Ef 5:20; Cl 3:17; ITs 5:18)! Mas o homem mau reclama, murmura e choraminga; ele só vê o lado negativo; e ele gosta de criticar (Nm 11:1-35; Dt 28:47-48; Jd 1:15-16).

O homem piedoso é humilde, meigo e modesto; ele nunca exalta a si mesmo, nem mesmo indiretamente; ele só se gaba do Senhor, e ele coloca os outros em primeiro lugar (Pv 25:27; 27:2; Sl 34:1-3; Fp 2:3-4). Mas o homem perverso gosta de falar a respeito de si mesmo e recomendar a si mesmo; ele conta vantagem e arrogantemente humilha os outros; ele fica orgulhoso com a sua maneira de falar (Pv 8:13; 14:3; ISm 2:3; Sl 10:3).

Abençoe a você mesmo com bondade! Escolha a boa vida! Pare de falar mal; é tão simples assim (Sl 34:12-13). Leia-o! Creia-o! "Pois quem quer amar a vida e ver dias felizes refreie a língua do mal e evite que os seus lábios falem dolosamente." (IPe 3:10).

Encha a tua boca com louvor e gratidão (Sl 34:1). Fale com frequência aos outros a respeito do Senhor. Ele o registrará em Seu livro especial (Ml 3:16). Deixe que a sua conversa seja sempre agradável e edificante - edificando os outros (Ef 4:29; Cl 4:6). Você terá uma vida boa e se salvará de uma punição violenta! Melhore, hoje, a sua maneira de falar. Amém.

topo